Vera Vieira

Respostas no Fórum

Visualizando 6 posts - 1 até 6 (de 6 do total)
  • Autor
    Posts
  • em resposta a: Dinâmica de integração [3] #6242
    Vera Vieira
    Mestre

    Imagem 6, pois demonstra a mais cruel consequência das relações assimétricas entre mulheres e homens – a violência de gênero -, com a construção social da superioridade e domínio masculino. Com isso, os homens depreciam e odeiam as mulheres, levando ao crime de feminicídio. Essa construção social de milênios, vem sendo reforçada pela cultura. Pode e deve ser desconstruída.

    em resposta a: Dinâmica de integração [3] #6241
    Vera Vieira
    Mestre

    Imagem 6, pois demonstra a mais cruel consequência das relações assimétricas entre mulheres e homens – a violência de gênero -, com a construção social da superioridade e domínio masculino. Com isso, os homens depreciam e odeiam as mulheres, levando ao crime de feminicídio. Essa construção social de milênios, vem sendo reforçada pela cultura. Pode e deve ser desconstruída.

    em resposta a: Dinâmica de Integração [2] #5933
    Vera Vieira
    Mestre

    Escolho a imagem 1 por simbolizar a necessidade que nós mulheres temos de nos unir cada vez mais, para nos fortalecermos e conquistarmos um mundo melhor – com paz, equidade, diversidade e pluralidade.

    Vera Vieira
    Mestre

    A partir da análise das interseccionalidades existentes no grupo – identidades de gênero, raça, etnia, classe social, geração, localização geográfica, necessidades especiais, haveria a conclusão de como a sobreposição de vulnerabilidades afeta as epssoas.

    em resposta a: Dinâmica de Integração [1] #5460
    Vera Vieira
    Mestre

    Imagem 3: porque reflete a busca e a exigência permanente de liberdade em minha vida. Também me faz lembrar de uma frase de Simone de Beauvoir: “Que nada nos defina. Que nada nos sujeite. Que a liberdade seja a nossa própria substância!

    em resposta a: Dinâmica de Integração [1] #5458
    Vera Vieira
    Mestre

    Imagem 3: porque reflete a busca e a exigência permanente de liberdade em minha vida. Também me faz lembrar de uma frase de Simone de Beauvoir: “Que nada nos defina. Que nada nos sujeite. Que a liberdade seja a nossa própria substância!

Visualizando 6 posts - 1 até 6 (de 6 do total)