Você considera que a disseminação desse tipo de campanha nas redes sociais contribui para apoiar e fortalecer as mulheres? Você conhece alguma outra campanha? Se sim, poderia compartilhar?

Home Fóruns A Violência contra a Mulher As redes sociais como instrumento de apoio e empoderamento Você considera que a disseminação desse tipo de campanha nas redes sociais contribui para apoiar e fortalecer as mulheres? Você conhece alguma outra campanha? Se sim, poderia compartilhar?

Visualizando 26 respostas da discussão
  • Autor
    Posts
    • #5993

      Você considera que a disseminação desse tipo de campanha nas redes sociais contribui para apoiar e fortalecer as mulheres?

      Você conhece alguma outra campanha? Se sim, poderia compartilhar?

    • #6007

      Levante Feminista contra o feminicídio – Nem pense em me matar (campanha nacional)
      CAMPANHA DE ENFRENTAMENTO A VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES DO CAMPO – “MESMO DISTANTES, ESTAMOS UNIDAS – DIZEMOS NÃO À VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES DO CAMPO”

    • #6017
      manimaria
      Participante

      Com certeza as redes sociais são ferramentas de apoio para prevenir e denunciar a violência contra a mulher. Com certeza posso compartilhar esse tipo de material.

    • #6018
      Zeza Lopes
      Mestre

      As Campanhas veiculadas nas mídias sociais são de fundamental importância porque atinge o maior número de mulheres, levando informações sobre os recursos existem para romper com o ciclo da violência, assim como provocando um olhar sobre a necessidade da educação de gênero e cultura de Paz.
      Conheci várias Campanhas, mas as mais recentes que quero reforçar são as citadas pela participante Wladinéya:
      Levante Feminista contra o feminicídio – Nem pense em me matar (campanha nacional)
      CAMPANHA DE ENFRENTAMENTO A VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES DO CAMPO – “MESMO DISTANTES, ESTAMOS UNIDAS – DIZEMOS NÃO À VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES DO CAMPO”

    • #6021
      Vanessalucas
      Participante

      Com toda a certeza as campanhas veiculadas nas mídias sociais são extrema relevância, pois incentivam à denúncia, contribuindo para a redução do índice de agressão e de violência contra a mulher, além de alertar toda a população com informações.

    • #6022

      Com certeza, as mídias sociais são de muita importância para apoio e fortalecimento às mulheres.

    • #6026

      São de suma importância para a visibilidade de ações e assim coibir a violência contra a mulher, e fortalecer outras ações!! Levante Feminista contra o Feminicidio – Nem pense em me matar (campanha nacional)

      • #6039

        O fato das mídias sociais darem visibilidade às violências sofridas pelas mulheres é denunciar ,acredito que nossas atitudes e ações podem mudar isso o quanto antes. As manifestações através das redes sociais nos ajudam a divulgar o preconceito , o olhar masculino , principalmente ao que se refere ao assédio sexual. A roupa que uma mulher veste pode ser um convite ao sexo, nas ruas, transporte público e nos locais de trabalho. A mulher tem o direito de usar o que quiser e onde quiser, minha roupa não justifica nada !!!vamos romper o silêncio e com isso podemos nos proteger e nos defender através de nossas redes sociais.

    • #6031
      Soraia Oliveira
      Participante

      Penso que as mídias sociais assumiram um novo espaço de mobilização e articulação popular, sobretudo neste contexto de pandemia. As Campanhas que eu conheço não estão diretamente ligadas à violência contra a mulher, mas posso citar a Campanha 18 de Maio – Faça Bonito – voltada para o enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescente e o Setembro Amarelo – Mês de prevenção ao suicídio.
      Conheço dois perfis de redes sociais bastante utilizados para denunciar e dialogar sobre violência de gênero: @maselenuncamebateu que aborda todas as outras formas de violência contra a mulher para além da violência física, com compartilhamento de relatos e denúncias de autores de violência doméstica de gênero. Outro perfil é do Facebook chamado Meu Professor Abusador que reuni inúmeros relatos de situações de assédio sexual, moral e violências de gênero envolvendo educadores e alunas de diversas idades. Achei que são espaços muito potentes de mobilização e fortalecimento de mulheres que vivenciaram a violência de gênero em suas múltiplas formas.

    • #6032

      É de extrema importância o uso das redes sociais e a publicidade como ferramentas na luta contra a violência, são a partir dessas campanhas, publicações, grupos que muitas mulheres podem identificar que em algum momento da vida já sofreram algum tipo de violência. As redes sociais também foram muito positivas no sentido de acolhimento e solidariedade a essas mulheres.
      Recentemente, o banco Bradesco veiculou um comercial contra assédio devido a diversos casos em que a inteligência artificial, apelidada de Bia, foi assediada.

    • #6036

      Penso que quanto maior a visibilidade sobre o tema e maior o número de canais de divulgação e denúncia, mais fortalecido é movimento, assim como o acolhimento prestado às vítimas que percebem que não são as únicas e que não estão sozinhas.

    • #6037

      Acredito que as redes sociais tenham uma grande importância na disseminação de informações sobre as violências sofridas pelas mulheres, além de dar visibilidade ao assunto e incentivar denúncias. Conheço a campanha da Magalu e o perfil no Instagram chamado “Meu professor abusador”, que não tem ligação com a violência doméstica especificamente, mas denuncia casos de assédio sexual e moral envolvendo alunas e professores.

    • #6040
      Junia Mariano
      Participante

      Sim, fortalece muito. As campanhas feitas pela #ehproblemameu são muito boas e as apresentadas pelo Instituto Patrícia Galvão também são boas. Com estas campanhas damos visibilidade que o assédio sexual, a violência psicológica são tão sérios quanto a violência física e, pode acontecer em qualquer lugar, a qualquer pessoa. Por isso é importante dizer que NÃO estamos sozinhas. Fortalecer os laços, unificar a comunicação, dar voz às mulheres.

    • #6043

      Com certeza as redes sociais são de extrema importância para espalhar as comunicações e informações. Muitas mulheres entenderam que estava sofrendo algum tipo de violência ao ler relatos parecidos nas redes sociais. a página mas ele nunca me bateu, conta relatos de mulheres que sofreram violências psicológicas (e algumas físicas) afim de conscientizar outras mulheres que passam por alguma situação semelhante. https://www.instagram.com/maselenuncamebateu/

    • #6044
      Joédna Fernandes
      Participante

      Sem dúvida que às mídias e redes sociais são importantes ferramentas de disseminação e afirmações das campanhas de proteção, informação e fortalecimento das mulheres na atualidade para o enfrentamento da violência de gênero e proteção das mulheres, meninas e crianças. Se usada de forma responsável e consciente pode ser usada como forma de empoderamento e prevenção de violências mas também o contrário pode acontecer.
      Exemplo de campanha que conheço é a do Sinal Vermelho.

    • #6045
      Camila Veloso Sanches
      Participante

      Com certeza ajuda! É uma rede de apoio entre mulheres que passaram pela mesma situação, é essencial esse apoio já que falar sobre esses assuntos é extremamente difícil e traumático

    • #6059
      Amanda
      Participante

      sim , e uma ótima maneira para chegar a informação.

    • #6068
      Silvia Fasioli
      Participante

      Considero fundamental, contribui muito, pois muitas mulheres acabam acessando informaçao através das redes sociais. Estas são também uma ferramenta de divulgação das campanhas, como a MeToo. Conheço a Sinal Vermelho, Ela Não Pediu, Vamos Juntas… E há páginas no Facebook, como a Catálogo de Macho Abusador.

    • #6075

      As campanhas realizadas em midias sociais são de extrema importância. As campanhas constituem um convite à reflexão e conscientização de toda a sociedade para o fim da violência contra a mulher.

    • #6095

      Sim, de suma importância. As violências contra as mulheres sempre se resguardaram sob o silenciamento das nossas vozes. Quanto mais falamos sobre esse assunto, mais mulheres tem a oportunidade de se enxergar em uma situação e violação de direitos e conseguem acessar formas de ajuda. A fala é libertadora e curativa e através dessas campanhas, fortalecemos os espaços de fala, bem como informamos sobre as leis, serviços garantidos e a rede de atendimento e apoio.

    • #6098
      Lucilene Cruz
      Participante

      Sim, contribui muito. Todas que conheço já foram sitadas. Mas tenho uma expeiencia no meu municipio, que foi quando criamos a rede de serviços para combate a viol~encia doméstica, E principalmente criação do CRM Centro de Referencia da Mulher, foram confeccionados folders sobre o que era violencia, tipos e tel e endereço do CRM entregue nas casas junto com a conta da água, Dae (Depto de agua e esgoto). Após esta divulgação muitas mulheres procuraram o serviço e me lembro bem de uma senhora, pois fui eu quem fiz os atendimentos psicológicos a ela, que sofria violencia e não sabia, assim que resebeu o folder e leu percebeu que sofria e foi procurar ajuda… Então toda campanha seja a qual for, contribui muito para auxiliar quem precisa…

    • #6119

      Com toda certeza! A disseminação de campanha nas redes sociais é o instrumento hábil em levar informação e conhecimento a todo tipo de pessoa. Além de ser uma forma de política pública capaz de conscientizar a sociedade. Conheço as campanhas: Sinal Vermelho, Me too, Projeto Justiceiras, Botão de denúncia no site do Magazine luiza, pedido de pizza em ligação para polícia civil local.

    • #6154

      Ajuda porque através do conhecimento e informação pode dar uma força ou até mesmo a idéia de aprender a se defender e ir buscar os seus direitos fundamentais.

    • #6155

      Ajuda porque através do conhecimento e informação pode dar uma força ou até mesmo a idéia de aprender a se defender e ir buscar os seus direitos fundamentais. Sinal vermelho, Me too, Botão de denúncia do site magazine Luiza, Meu Primeiro Assédio entre outras.

    • #6159
      Solange Pozzuto
      Participante

      Sim. Todas essas campanhas contribuem para apoiar.
      Conheço a Campanha da Avon.

    • #6164
      Maria Angela da Silva
      Participante

      Considero fundamental a Rede, além de promover acesso, ela também dispõe do papel fundamental de empoderamento as mulheres. Conheço o projeto Justiceiras e o Tamojuntas, que oferece apoio social, psicológico e jurídico.

    • #6207
      Geni Rosângela Dias
      Participante

      Com certeza as redes sociais são ferramentas de apoio para prevenir e denunciar a violência contra a mulher, sim a campanha não tão doce lar.

    • #6408
      gisele olivia marinho
      Participante

      Sim, estamos em uma era tecnológica onde a maioria tem acesso as redes sociais, acho de grande importância estes projetos e acho fantástico pois é uma forma das mulheres conseguirem sair dos assédios ganhando forças através de outras que deram depoimentos

Visualizando 26 respostas da discussão
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.